RSS Facebook Twitter

por Lorena Alcantara no dia 01 de Set de 2014 às 20:30 em Bahia

comentários

Prefeitura de Camaçari inicia desocupação das margens do Rio Pojuca
Foto: Reprodução / Camaçari Magazine
A Secretaria do Desenvolvimento Urbano de Camaçari - 41km de Salvador, deu início à desocupação das margens do rio Pojuca nesta segunda-feira (1º), após determinação do Ministério Público. A Área de Preservação Permanente (APP) é habitada por famílias que, atualmente, causam danos ao meio ambiente. A prefeitura do município informou que, após identificar as pessoas, irá encaminhá-las para um abrigo temporário e cadastrá-las em programas sociais da região.

O juiz de direito César Augusto Borges de Andrade, da 1ª Vara da Fazenda Pública do Poder Judiciário do Estado, acolheu integralmente a medida liminar requerida pelo Mistério Público e determinou a retirada de todos os indivíduos e edificações existentes nas margens do rio.

comentários

por Lorena Alcantara no dia 01 de Set de 2014 às 20:10 em Política

comentários

Ministro Francisco Falcão é empossado novo presidente do STJ
Foto: Reprodução / Filipe Matoso/G1
O ministro Francisco Falcão tomou posse nesta segunda-feira (1º) como presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ) para o biênio 2014-2016, em cerimônia que reuniu magistrados e políticos em Brasília. O magistrado vai substituir Felix Fischer no comando da Corte superior. A ministra Laurita Vaz assume a vice-presidência do STJ. Ambos foram eleitos em maio pelo plenário da Corte.

Os tribunais superiores seguem a tradição de eleger como presidente o ministro com mais tempo de corte que ainda não tenha ocupado o cargo. Os ministros Ari Pargendler, Felix Fischer e Gilson Dipp têm mais tempo de Casa do que Falcão, que está no STJ desde 1999, mas os dois primeiros já foram presidentes e Dipp vai se aposentar em outubro.

Francisco Falcão era corregedor do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), cargo que foi assumido no último dia 26 pela ministra Nancy Andrighi.

comentários

por Matheus Simoni no dia 01 de Set de 2014 às 20:00 em Política

comentários

Aécio questiona sobre segurança pública e Dilma responde: "Acho que você tem memória fraca"
Foto: Reprodução/Brasil Post
Na última oportunidade de um questionamento direto, o candidato Aécio Neves (PSDB) questionou sua concorrente Dilma Rousseff (PT) na questão da segurança pública. No debate presidencial desta segunda-feira (1), realizado pelo SBT, a presidente, que utilizou o contra-ataque em quase todo o discurso, questionou a memória de Aécio Neves. 

"Volto ao tema da segurança pública. Nada mais aflige as famílias brasileiras. A senhora considera que segurança pública seja de responsabilidade da União?", indagou o tucano. Utilizando como argumento o governo mineiro, administrado pelo próprio Aécio, Dilma rebateu. "Acho que você tem memória fraca. O Governo Federal deu apoio financeiro para MG, para construção de muitos presídios. Além disso, sua memória é tão fraca, que no caso do transporte público, o sr esquece que temos parceria com o Estado de MG em todas as obras de mobilidade urbana do Estado. Por exemplo, o Metrô de BH, o monotrilho de SP só foi realizado graças a financiamento do governo federal. Além disso temos 9 metros em capitais do país. Temos trens metropolitanos, VLTs, Monotrilhos e 189 BRTs", disparou Dilma Rousseff.

Novamente em tom irônico, Aécio comparou o discurso de Dilma com o da primeira oportunidade quando a presidente disputou a primeira eleição, em 2010. " Quem liga nesse debate vai achar que está vendo um debate de quatro anos atrás. São as mesmas propostas de quatro anos atrás. O governo da senhora agora sucumbe à necessidade de fazer parcerias com empresas privadas, mas não avançou como poderia", afirmou Aécio Neves. 

Dilma reafirmou que investiu em seu governo nas questões abordadas pelo tucano. "143 bilhões foram colocados a disposição para que as pessoas tenham tempo, transporte seguro, rápido e tempo para ficar com a família e desfrutar da família. O governo federal, pela primeira vez, investiu pesado na mobilidade urbana, talvez não saiba, mas as obras de MG foram feitas com recursos federais", disse a petista.

comentários

por Lorena Alcantara no dia 01 de Set de 2014 às 19:50 em Política

comentários

Relator rejeita pedido de André Vargas para anular processo de cassação
Foto: Reprodução / Blog do Doc
O relator do recurso do deputado André Vargas (sem partido-PR), deputado Sergio Sveiter (PSD-RJ), rejeitou, na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, os argumentos da defesa para a anulação do processo no Conselho de Ética, que recomendou a cassação de Vargas. Para Sergio Sveiter, o Conselho de Ética cumpriu todas as exigências legais ao avaliar a representação contra Vargas.

Com a entrega do parecer do relator, o presidente da CCJ, deputado Vicente Cândido (PT-SP), poderá convocar para esta terça-feira (2) uma reunião para discussão e votação do parecer de Sveiter contrário ao recurso de André Vargas. Para que o parecer seja aprovado é necessário a maioria dos votos dos presentes, desde que votem pelo menos 34 integrantes da comissão. Se o parecer for aprovado, o processo de cassação do mandato de André Vargas vai seguir para a Mesa Diretora da Câmara para votação em plenário.

comentários

por Matheus Simoni no dia 01 de Set de 2014 às 19:30 em Política

comentários

Dilma adota o contra-ataque e responde Marina: "frases de efeito e frases genéricas"
Foto: Reprodução/BrasilPost
Na etapa de perguntas diretas, no segundo debate entre os candidatos à Presidência da República, nesta segunda-feira (1), no SBT, os candidatos demonstraram tensão em certos momentos e adotaram estratégias de ataques diretos. Ao ser questionada por Marina Silva (PSB) sobre o que deu errado no atual governo no que diz respeito à economia, Dilma Rousseff (PT) foi enfática e contra-atacou com rispidez a sua concorrente. 

"O que deu certo no meu governo é que tiramos 36 milhões de pessoas da pobreza e elevamos 40 milhões para a classe média. Há uma contradição de uma política macroeconômica ligada a interesses de arrochar salários, aumentar tarifas e atender interesses. O cobertor é curto. Sem apoio político, sem discussão e sem negociação, a Sra. não consegue aprovar os grandes programas do Brasil", disse a petista. Ela ainda afirmou que jamais negociou os interesses do Brasil. "Ganhei e perdi, mas sem apoio do Congresso Nacional, é impossível governar. Quem escolhe os bons, é o povo brasileiro, por meio da eleição", disparou Dilma.

Em sua réplica, Marina criticou as atitudes do governo para conter a má administração do mercado brasileiro. " A presidente Dilma tem muita dificuldade em reconhecer os erros do seu governo. Nós defendemos sim a autonomia do Banco Central porque esse governo, com atitudes erráticas, não ajuda a resolver os problemas", disparou Marina. Com um certo tom de ironia em sua fala, Dilma respondeu Marina com rispidez. "Frases de efeito e frases genéricas. Quando você é presidente, você precisa se explicar, não basta dizer que vai fazer uma lista de coisa sem dizer de onde virá o dinheiro. Ainda falta muita coisa pra fazer no Brasil, eu sei disso porque eu tentei fazer", prometeu Dilma.

comentários

por Lorena Alcantara no dia 01 de Set de 2014 às 19:21 em Saúde

comentários

Segunda dose da vacina contra HPV começa a ser aplicada nesta segunda-feira
Foto: Ilustrativa
Meninas de 11 a 13 anos que já receberam a primeira dose da vacina contra o papiloma vírus humano (HPV) devem receber, a partir desta segunda-feira (1º), a segunda dose. A imunização está sendo feita em escolas públicas e particulares, além de unidades de saúde. De acordo com o Ministério da Saúde, mais de 4,3 milhões de meninas nessa faixa etária já receberam a primeira dose em março deste ano e a segunda é essencial para garantir a proteção contra o HPV.

Meninas que ainda não tomaram a primeira dose também podem procurar os postos de saúde. Para receber a segunda, basta apresentar o cartão de vacinação ou documento de identificação. A terceira dose será aplicada cinco anos após a primeira.

comentários

por Matheus Simoni no dia 01 de Set de 2014 às 18:50 em Política

comentários

Pastor Everaldo responde sobre caso de violência: "nunca agredi uma mulher"
Foto: Reprodução/Gospelmais
Ainda na etapa onde os jornalistas tiveram a oportunidade de perguntar para os candidatos à Presidência da República, no segundo debate presidencial nesta segunda-feira (1), no SBT, o candidato Pastor Everaldo (PSC) afirmou que são falsas as acusações de agressão."Eu nunca agredi uma mulher, minha política é a favor da família. Eu sou uma pessoa que luto pela família, e tenho exemplo de como se deve tratar uma família. Nunca agredi ninguém", se defendeu o candidato. 

No comentário de Aécio Neves (PSDB), o tucano, além de falar sobre projetos, defendeu o combate à violência contra a mulher. "Fui favorável a aprovação da Lei Maria da Penha, um grande marco legal para o Brasil nessa questão. Sou a favor de desafogar os sistemas prisionais com parcerias público privadas", afirmou Aécio.

Em sua tréplica, o Pastor Everaldo não fugiu ao seu tradicional discurso e disse novamente sobre o seu foco na 'família brasileira'. "Quero reafirmar meu compromisso com a família tradicional, como está na Constituição Brasileira. Nossas famílias dependem do casamento entre homem e mulher. Sou contra o aborto. De forma clara e coerente", disse o candidato do PSC.

comentários

por Matheus Simoni no dia 01 de Set de 2014 às 18:35 em Política

comentários

Ao ser questionada sobre recebimento de dinheiro por palestras, Marina se defende
Foto: Reprodução/Estadão
Na primeira etapa onde os jornalistas tiveram a oportunidade de perguntar para os candidatos à Presidência da República, no segundo debate presidencial nesta segunda-feira (1), no SBT, o jornalista Fernando Rodrigues, do portal UOL, questionou Marina Silva (PSB) sobre o recebimento de R$ 1,6 milhão nos últimos três anos em palestras realizadas pela candidata. O jornalista indagou sobre a existência de uma cláusula de confidencialidade que não permite revelar as empresas que de fato pagaram essa quantia, e alfinetou Marina. "A senhora acredita que essa cláusula de confidencialidade é compatível ou será necessária mais transparência para que seus eleitores conheçam as empresas que pagaram todo esse rendimento para a senhora nos últimos três anos?", perguntou o Fernando Rodrigues.

Marina tentou se defender e disse que não haveria maiores problemas em ser transparente com os valores recebidos." Eu particularmente não tenho nenhum problema em que sejam reveladas as empresas que me contrataram, até porque eu vivo honestamente daquilo que faço, todo mundo sabe que dou palestras para poder levar a mensagem do desenvolvimento sustentável em todo o Brasil, e eu não vejo nenhuma incompatibilidade em quem vive honestamente do seu trabalho e a renovação da política", afirmou Marina Silva. 

Numa brecha para um comentário de outro candidato, o jornalista possibilitou que Dilma Rousseff (PT) comentasse sobre a resposta de Marina Silva. A petista alfinetou a candidata do PSB, e reafirmou que sempre buscou a transparência em seu governo. "Eu considero que quando se assume um cargo público a transparência é uma necessidade. Aliás, nós todos somos obrigados a divulgar o nosso Imposto de Renda, com todos os detalhes sem nenhum problema oculto ou qualquer outra restrição, eu acho que isso é uma exigência nova na política brasileira, e muito importante", disse Dilma.

comentários

por Matheus Simoni no dia 01 de Set de 2014 às 18:12 em Política

comentários

Luciana Genro ataca Aécio, que responde em tom irônico: "Não sou o FHC"
Foto: Reprodução/O Globo
No segundo debate entre os candidatos à Presidência da República, nesta segunda-feira (1), no SBT, a candidata do PSOL à Presidência da República, Luciana Genro, questionou o candidato tucano Aécio Neves sobre a política adotada para assegurar os direitos dos aposentados. Citando o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, ela indagou sobre uma possível semelhança com o atual governo. "Essa maldade contra os aposentados é uma política que te unifica com o PT?"

O candidato do PSDB, em tom irônico, defendeu o governo de FHC. "Repito no que disse no último debate, não sou o presidente Fernando Henrique, lamentavelmente. É importante que nós reconheçamos o caminho que percorremos para chegar até aqui. A senhora certamente concordará comigo que o Brasil de hoje é um Brasil melhor do que era há quinze ou vinte anos atrás, e este Brasil veio sendo construído com a responsabilidade e o trabalho de vários homens públicos e de vários partidos", disse o tucano. 

Ele ainda completou que o governo de FHC foi importante para a época. "O governo do presidente Fernando Henrique pode não ter acertado em tudo e certamente não acertou. Mas ele foi crucial, foi o último grande governo reformulador que nós tivemos nas últimas décadas no Brasil", afirmou Aécio Neves.

comentários

por Matheus Simoni no dia 01 de Set de 2014 às 17:59 em Política

comentários

Dilma ironiza Marina em pergunta sobre recursos: "falou, falou e não respondeu"
Foto: Reprodução/O Globo
No segundo debate entre os candidatos à Presidência da República, nesta segunda-feira (1), a presidente Dilma Rousseff (PT) não aliviou na primeira pergunta direcionada à sua concorrente, Marina Silva (PSB). Ao questionar sobre a procedência dos recursos que a candidata prometeu utilizar, Marina foi enfática e disse que "não são promessas, são compromissos". "O que vamos fazer para conseguir os recursos é fazer com que o orçamento seja acrescido com orçamento seja acrescido com o incremento da receita com o orçamento inteligente. Quando é dinheiro para banqueiro ninguém questiona de onde vem o dinheiro. O que nós vamos fazer é as escolhas corretas", disse Marina.

Na tréplica, a candidata petista ironizou a resposta da candidata do PSB. "Marina falou, falou, mas não disse de onde vai tirar dinheiro pra colocar tanta promessa em prática. Os promessas da senhora equivalem ao montante que nós gastamos em Saúde e Educação. E nós triplicamos os valores repassados a essas áreas", afirmou Dilma.

comentários

por Matheus Simoni no dia 01 de Set de 2014 às 17:40 em Política

comentários

Candidatos à Presidência da República participam de debate na tarde desta segunda-feira
Foto: Reprodução/Arte/O Globo
O segundo debate presidencial televisionado deve ser pautado pelos resultados das recentes pesquisas de intenções de voto. O encontro entre os candidatos à Presidência da República, realizado pelo SBT, marcado para às 17h45, promete ser mais voltado às recentes propostas de governo que foram divulgadas pelos comitês de campanha. Sete candidatos estão confirmados: Dilma Rousseff (PT), Marina Silva (PSB), Aécio Neves (PSDB), Pastor Everaldo Pereira (PSC), Luciana Genro (PSOL), Eduardo Jorge (PV) e Levy Fidelix (PRTB).

comentários

por Matheus Simoni no dia 01 de Set de 2014 às 17:33 em Trânsito

comentários

Trânsito já começa a apresentar intensidade na Paralela e na Bonocô
Foto: Reprodução/Waze
Horário de pico se aproximando e o trânsito já apresenta intensidade na Avenida Luis Viana Filho, a Paralela, no sentido centro, na Avenida Mario Leal Ferreira, a Bonocô, no sentido Iguatemi e na ACM, também no sentido Iguatemi. Quem passar pelo Comércio, vai encontrar intensidade na Avenida Jequitaia, próximo ao Terminal Marítimo São Joaquim, mas até o momento, sem pontos de retenção. E o motorista que puder, deve evitar a Avenida Professor Pinto de Aguiar, que segue com o fluxo lento nos dois sentidos, devido as obras que acontecem na região.

comentários

por Matheus Simoni no dia 01 de Set de 2014 às 17:10 em Esportes

comentários

Fifa agenda encontro para tratar de data da Copa de 2022, no Qatar
Foto: Divulgação/Fifa
A Fifa anunciou nesta segunda-feira (1) que agendou um encontro, na próxima semana, para tratar sobre possíveis alterações no calendários de jogos da Copa do Mundo de 2022, no Qatar. Desde o ano de 2013, o presidente da entidade, Joseph Blatter, anunciou que o torneio não poderia ser jogado no calor do verão do deserto. A temperatura média prevista para a época da realização na Copa, entre junho e julho, beiram os 50º C. 

No dia 8 de setembro, representantes das seis confederações continentais, além de clubes, ligas e sindicatos de atletas de todo o mundo, vão se reunir em Zurique, na Suíça, liderados pelo presidente da Confederação Asiática de Futebol, o xeque Salman bin Ebrahim al Khalifa, do Bahrein. De acordo com Blatter e o secretário-geral da Fifa, Jérome Valcke, uma edição do torneio pode ser realizada em novembro de 2022.

comentários

por Matheus Simoni no dia 01 de Set de 2014 às 16:50 em Política

comentários

TRE indefere candidatura de Paulo Maluf em São Paulo
Foto: Reprodução/UOL
Com base na Lei da Ficha Limpa, Paulo Maluf (PP) teve sua candidatura à deputado federal impugnada pelo Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP), nesta segunda-feira (1). O desembargador Antônio Carlos Mathias desempatou a votação, que estava empatada em três votos a três, entre os demais magistrados da corte. Condenado em segunda instância a pagar 21 milhões de reais aos cofres públicos, Maluf foi acusado de superfaturamento na construção da Avenida Jornalista Roberto Marinho (antiga Água Espraiada) e do Túnel Ayrton Senna quando era prefeito de São Paulo, entre os anos de 1993 e 1997, além de ter os direitos políticos suspensos por cinco anos. A defesa do candidato vai recorrer no Tribunal Superior Eleitoral. Paulo Maluf ainda é acusado de enviar recursos para o exterior por meio de doleiros.

comentários

por Matheus Simoni no dia 01 de Set de 2014 às 16:30 em Trânsito

comentários

Acidente grave complica trânsito na Av. Maria Lúcia, em São Marcos
Foto: Reprodução/Waze
O fluxo segue intenso na Avenida ACM, sentido Iguatemi e na Avenida Anita Garibaldi, próximo ao Zoológico. Os usuários do aplicativo Waze, indicam que houve um acidente na Avenida Maria Lúcia, em São Marcos, próximo ao Estádio Manoel Barradas. A Transalvador não tem informações sobre o acidente, mas o trânsito segue lento no local. Já na BR 324, o fluxo apresenta lentidão no sentido Feira de Santana, na altura da Estação Pirajá.

*Com informações de Paloma Andrade

comentários

Página 1 de 3381
BUSCA
Rádio Metrópole
escute ao vivo Escute pelo Media Player Escute pelo Itunes
Seta Bola na rede 22h00 às 23h00
Baixe os aplicativos da Rádio Metrópole
MK ENTREVISTA
25/08/2014
Jaques Wagner
Governador da Bahia
21/08/2014
Lira Neto
Jornalista e escritor
21/08/2014
Lídice Da Mata
Vota Bahia - Candidata ao Governo do Estado pelo PSB
NEWSLETTER
Grupo Metrópole
© Copyright 2013 Rádio Metrópole - Em Salvador, ouça a Rádio Metrópole 101.3 FM e 1290 AM Telefone: 71 3505 5000 | Fax: 71 3505 5040