Cidade 12 de Jan de 2017 • 00:16

'Fica na obra a nossa satisfação', diz secretário da Cultura sobre o filme 'Axé'

'Fica na obra a nossa satisfação', diz secretário da Cultura sobre o filme 'Axé'

Foto: Yasmin Garrido / Metropress

O secretário Cultura e Turismo, Claudio Tinoco, esteve na pré-estreia do documentário "Axé: Canto do Povo de um Lugar", dirigido por Chico Kertész, nesta quarta-feira (11), e além de elogiar o filme, garantiu se sentir incentivado pelo longa a trabalhar pela cultua de Salvador, retratada no enredo do documentário. 

"Fica aí, na obra de Chico Kestész, nesse filme, a nossa satisfação de que alguém tenha conseguido produzir uma obra tão importante, que vai ficar aí não só para contar essa história mas sobretudo para poder projetar ainda mais e talvez estimular. Saio daqui hoje, depois de assistir o filme, incentivado e motivado para que a gente possa, de alguma forma, mesmo com políticas públicas ou de capacidade de articulação, fazer com que toda essa história possa continuar viva, e logicamente renovada, e se perpetuar. 

O secretário falou ainda sobre a lembrança da época e dos acontecimentos mostrados no filme. "Eu que conheci o carnaval de Salvador aos 14 anos, na década de 80, já não me recordava de tantos fatos importantes e do tempo dos acontecimento desses fatos. Então realmente é a gente volta na história, conhecer melhor ainda, se vê dentro dessa história do Axé Music", contou.

Tinoco falou ainda sobre a proposta de construir um museu da música brasileira em Salvador, para resgatar a história que é justamente tratada no filme. "A gente hoje que luta na gestão municipal para poder implantar em Salvador um museu da música brasileira, mas sem dúvida nenhuma com essa grande força que é a música baiana. Em todas as suas fases, mas sem dúvida nenhum com o axé. Que projetou a nossa cidade, projetou toda essa classe artística, todas essas gerações que nós vimos", disse o secretario.

publicidade:


Notícias : Cidade

Carregar mais