Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Bahia

Rui Costa faz reuniões em embaixadas pra buscar nova indústria automobilística para Bahia

Governador também busca novas oportunidades para o estado

[Rui Costa faz reuniões em embaixadas pra buscar nova indústria automobilística para Bahia ]
Foto : Carlos Prates/ GOVBA

Por Gabriel Amorim no dia 19 de Janeiro de 2021 ⋅ 22:00

Cumprindo agenda em Brasília, o governador Rui Costa esteve em reuniões com embaixadores de diversos países buscando novos investimentos para a Bahia. Uma das razões por trás dos encontros é minimizar os impactos causados pela saída da Ford do estado. Na tarde de hoje, Costa esteve nas embaixadas da Índia, Coreia do Sul e do Japão para destacar a presença do parque automobilístico disponível, a força de trabalho com expertise no setor e a garantia de o Estado contribuir para que uma nova indústria se instale na Bahia.

Um convite direto chegou a ser feito ao embaixador da Índia, Suresh K. Reddy com quem Rui se reuniu primeiro.  “Queremos convidar as fabricantes indianas para conhecer a área antes ocupada pela Ford para avaliar a possibilidade de instalação num dos maiores parques existentes no Brasil, inclusive com porto exclusivo”, disse o governador a Reddy, que respondeu ter interesse de que companhias indianas estejam no Brasil e na Bahia, além de querer iniciar parcerias no campo tecnológico, área que a Índia tem ampliado investimentos, assim como a Bahia.

Estiveram presentes em todas as agendas, acompanhando o governador Rui Costa, o vice-governador, João Leão; o secretário do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte, Davidson Magalhães; o presidente da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb), Antônio Alban; o diretor de Tecnologia e Inovação do Senai Cimatec, Leone Peter Andrade; o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari, Júlio Bonfim; e o superintendente de Atração e Desenvolvimento de Negócios da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), Paulo Guimarães.

Notícias relacionadas