Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Brasil

Nova fase da Lava Jato mira ex-funcionário da Petrobras

Suspeito teria recebido US$ 2,2 milhões de empresas do mercado internacional do petróleo

[Nova fase da Lava Jato mira ex-funcionário da Petrobras]
Foto : Arquivo/Agência Brasil

Por Metro1 no dia 26 de Novembro de 2020 ⋅ 08:50

A Polícia Federal cumpre na manhã de hoje (26) dois mandados e busca e apreensão em Angra dos Reis e Araruama, no Rio de Janeiro, na 78ª fase da Operação Lava Jato. As ordens judiciais foram expedidas pela 13ª Vara Federal de Curitiba e envolvem um investigado da 57ª etapa da operação, que é ex-funcionário da Petrobras.

Os crimes teriam sido cometidos na diretoria de Abastecimento, segundo a Polícia Federal (PF), e especificamente na Gerência Executiva de Marketing e Comercialização.

De acordo com relatos de colaboradores, o funcionário teria recebido cerca de US$ 2,2 milhões, entre 2009 e 2015, para favorecer a trading company em negociações de compra de combustíveis marítimos fornecidos pela Petrobras.

Notícias relacionadas