Política

Ministro do STJ revoga liminar e Queiroz volta para prisão

A decisão também atinge sua mulher, Márcia Aguiar, que antes estava foragida e agora deve ser presa

[Ministro do STJ revoga liminar e Queiroz volta para prisão]
Foto : Reprodução/ TV Globo

Por João Brandão no dia 13 de Agosto de 2020 ⋅ 20:21

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Félix Fischer revogou a prisão domiciliar do ex-assessor Fabrício Queiroz e determinou seu retorno para a cadeia, de acordo com o jornal O Globo. A decisão também atinge sua mulher, Márcia Aguiar, que antes estava foragida e agora deve ser presa. 

A íntegra da decisão ainda não foi divulgada. No seu despacho, Fischer determina a revogação da liminar concedida pelo presidente do STJ, João Otávio Noronha, durante o plantão do Judiciário, que mandou Queiroz para a prisão domiciliar.

A liminar que havia mandado o ex-assessor para prisão domiciliar era sob entendimento de que ele possuía problemas de saúde e, por isso, fazia parte do grupo de risco para o coronavírus. Na mesma liminar, Noronha autorizou que Márcia Aguiar, que estava foragida, também ficasse em prisão domiciliar com Queiroz.

Notícias relacionadas

[Bolsonaro nomeia novo chefe da EBC]
Política

Bolsonaro nomeia novo chefe da EBC

Por Lara Curcino no dia 30 de Setembro de 2020 ⋅ 12:40 em Política

Ex-diretor da SBT, publicitário Glen Lopes assume o posto ocupado por general Luiz Carlos Pereira Gomes