Bahia

Vilas Boas vê melhora pra 2016, mas espera nova epidemia de dengue no verão

O secretário de saúde do estado, Fábio Vilas Boas, falou, em entrevista à Rádio Metrópole nesta terça-feira (29) sobre o aumento do número de casos de dengue,zika, chikungunya na Bahia. [Leia mais...]

[Vilas Boas vê melhora pra 2016, mas espera nova epidemia de dengue no verão]
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Bárbara Silveira e Matheus Morais no dia 29 de Dezembro de 2015 ⋅ 08:06

O secretário de saúde do estado, Fábio Vilas Boas, falou, em entrevista à Rádio Metrópole nesta terça-feira (29) sobre o aumento do número de casos de dengue, zika e chikungunya na Bahia. “Não temos as ferramentas eficazes para diminuir a quantidade de mosquitos e neste verão ainda teremos uma epidemia de dengue, chikungunya e zika. Acredito que em 2016 haverá uma virada, mas até o momento, quem está ganhando é o mosquito. Todo verão vão ter as mesmas campanhas, sabe-se que essa é uma epidemia cíclica, no Nordeste ela segue até setembro por causa das chuvas”, mostrou-se preocupado.

De acordo com o secretário, o aumento do número de casos da síndrome Guillain-Barré - a Bahia já possui 64 casos confirmados de junho até dezembro - tem sido motivo de diálogo com o governo. “Eu denunciei para o novo ministro. Nós estamos com um governo que prometeu trazer recursos suficientes para essa campanha. Pela primeira vez, eu vi um governo interessado nisso. Tivemos uma reunião com a presidente para discutir o mosquito. Não houve um comprometimento antes”, reclama.

Notícias relacionadas