Bahia

Secretário diz que suplementação ao TJ poderia tirar verba de setores essenciais

Durante coletiva convocada pelo governo do estado, na manhã desta quarta-feira (30), o secretário estadual da Fazenda, Manoel Vitório, comentou a entrada do Tribunal de Justiça com um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF). [Leia mais...]

[Secretário diz que suplementação ao TJ poderia tirar verba de setores essenciais]
Foto : Matheus Morais/Metropress

Por Gabriel Nascimento e Matheus Morais no dia 30 de Dezembro de 2015 ⋅ 11:05

Durante coletiva convocada pelo governo do estado, na manhã desta quarta-feira (30), o secretário estadual da Fazenda, Manoel Vitório, comentou a entrada do Tribunal de Justiça com um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF).

Vitório ressaltou que todos os esforços para atender à solicitação do TJ foram realizados e que as informações necessárias foram repassadas. "Nós já prestamos todas as informações das nossas impossibilidades. Sempre se faz referência a situação do Rio de Janeiro. A situação da Bahia é diferente, nós pagamos tudo integralmente", disse.

O secretário destacou que o governo está pronto para recorrer, caso a liminar seja favorável ao TJ. "Se o STF for favorável, corre o risco de tirarmos dinheiro da saúde, por exemplo. O TJ teve problemas, mas nós temos dificuldade de disponibilidade de recursos. Também indentificamos que o TJ ainda tem recursos próprios", afirmou. "Todas as suplementares anteriores foram atendidas, mas faltou dinheiro para pagamento de pessoal", completou.

 

Notícias relacionadas