Bahia

Palmeiras e Lençóis voltam a ser atingidas por incêndios da Chapada Diamantina

Diante do tempo seco e da ausência de chuvas, a região da Chapada Diamantina voltou a sofrer com os focos de incêndio surgidos neste final de semana. Além das regiões de Ibicoara e Mucugê, o fogo voltou a atingir o entorno da nascente do Rio Capivara, em Palmeiras, e da Serra do Veneno, em Lençóis.[Leia mais...]

[Palmeiras e Lençóis voltam a ser atingidas por incêndios da Chapada Diamantina]
Foto : Amanda Oliveira/GOVBA

Por Matheus Simoni no dia 03 de Janeiro de 2016 ⋅ 17:03

Diante do tempo seco e da ausência de chuvas, a região da Chapada Diamantina voltou a sofrer com os focos de incêndio surgidos neste final de semana. Além das regiões de Ibicoara e Mucugê, o fogo voltou a atingir o entorno da nascente do Rio Capivara, em Palmeiras, e da Serra do Veneno, em Lençóis. A informação foi confirmada pelo chefe-substituto do Parque Nacional, César Gonçalves, em entrevista ao site G1.

Brigadas da Bahia e de Pernambuco, além de equipes do Corpo de Bombeiros da Bahia e do Distrito Federal (DF), atuam no combate ao fogo que voltou a consumir áreas de vegetação. Segundo Gonçalves, ainda não há informações mais precisas sobre a proporção do fogo. No entanto, ele destaca a condição climática como o fator principal para o aumento do índice de queimadas.

"Em dezembro, choveu apenas 20% em relação à média histórica. Em novembro, apenas 15%", afirmou. Ele ainda esclareceu que o fogo não chega a ameaçar as casas da região, embora já tenha provocado graves danos à vegetação de cerrado, dos campos rupestres e das áreas de floresta.

Notícias relacionadas