Bahia

Deslizamento: governo e prefeitura de só executam 4% de recursos do PAC

Apenas 15% dos recursos disponíveis do Programa de Aceleração de Crescimento (PAC) para Estados e prefeituras foram executados

[Deslizamento: governo e prefeitura de só executam 4% de recursos do PAC ]
Foto : Elói Correa/GovBA

Por Juliana Almirante no dia 15 de Maio de 2015 ⋅ 16:33

Nos últimos oitos anos, apenas 15% dos recursos disponíveis do Programa de Aceleração de Crescimento (PAC) para Estados e prefeituras foram executados em todo país, de acordo com levantamento da Folha de S. Paulo. A Bahia chegou a captar R$ 176 milhões, mas governo estadual e prefeitura de Salvador só gastaram 4% do montante até maio. A falta de investimento não evitou a morte de 20 pessoas em deslizamentos de terra decorrentes da chuva neste ano na capital baiana.

A administração estadual lançou em agosto do ano passado um plano para contenção de 98 encostas. Só que apenas seis delas foram concluídas em Salvador. Já a prefeitura concluiu duas obras entre as 20 previstas. O Ministério das Cidades diz que os pagamentos do PAC não foram efetuados porque a maioria dos Estados e municípios não tinha "estoque de projetos em condições de contratação e pronto início das obras".

O secretário de Infraestrutura de Salvador, Paulo Fontana, alegou que as obras não estão mais adiantadas porque os planos licitados em gestão anterior tiveram de ser refeitos. O governo da Bahia, por sua vez, defende que as obras estão dentro do prazo, novembro de 2016.

Notícias relacionadas