Bahia

Monte Santo: família de gerente de banco é mantida refém por 16h

De acordo com informações dos sites de notícias da região, as vítimas foram liberadas sem ferimentos por volta das 11h30 dessa quarta-feira (10), no distrito de Bendegó, em Canudos, a 88 quilômetros da cidade onde aconteceu o crime. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/Blog do Valente

Por Camila Tíssia no dia 11 de Agosto de 2016 ⋅ 06:53

Após uma tentativa de assalto, a uma agência bancária a família do gerente do banco ficou 16h como refém dos criminosos, no município de Monte Santo, a cerca de 350 quilômetros de Salvador. De acordo com informações dos sites de notícias da região, as vítimas foram liberadas sem ferimentos por volta das 11h30 dessa quarta-feira (10), no distrito de Bendegó, em Canudos, a 88 quilômetros da cidade onde aconteceu o crime.

A Polícia Militar (PM) afirma que, indivíduos armados invadiram a residência do gerente às 19h de terça-feira (9) e na madrugada, levaram quatro familiares como reféns enquanto o gerente permaneceu em casa com um dos bandidos. O grupo roubou alguns pertences da família e uma quantia de R$ 150.

Ainda segundo a PM, o gerente chegou a ser levado para o banco para convencer outros funcionários a entregar o dinheiro do cofre. Um assaltante fugiu e os outros criminosos condicionaram a libertação dos reféns mediante pagamento do resgate em dinheiro. Mesmo sem conseguir a quantia - que seria retirada do cofre do banco - os indivíduos liberaram os reféns e fugiram.

Guarnições da Companhia Independente de Policiamento Especializado (CIPE) Caatinga, Companhia de Emprego Tático Operacional (CETO) do 5º BPM e Polícia Civil continuam em busca dos assaltantes.

Notícias relacionadas