Bahia

"A ABI sofreu muito na época de João Henrique", lembra presidente do órgão

O presidente da Associação Bahiana de Imprensa (ABI), Antônio Walter Pinheiro, falou em entrevista à Rádio Metrópole, dos 86 anos de história do órgão, comemorados nesta quarta-feira (17). [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/Tribuna da Bahia

Por Matheus Morais no dia 17 de Agosto de 2016 ⋅ 10:55

O presidente da Associação Bahiana de Imprensa (ABI), Antônio Walter Pinheiro, falou em entrevista à Rádio Metrópole, dos 86 anos de história do órgão, comemorados nesta quarta-feira (17). Na oportunidade, Pinheiro destacou a importância histórica da ABI. 

"Em 17 de agosto de 1930 foi instalada a ABI, tinha 72 membros, o Otaviano Requião foi o primeiro presidente. Naquele momento, estava nascendo a criança, sem um patrimônio forte. Naquele período, o jornalista Ernesto Simões Filho contribuiu muito, incorporando muitos imóveis para a ABI, principalmente seu grande prédio, na Praça da Sé, com 8 pavimentos. Na época de João Henrique [ex-prefeito de Salvador], a ABI sofreu muito. Na época de ACM Neto, passamos melhor. Neto preferiu valorizar e ocupar prédios do centro da cidade, mais próximos da própria prefeitura. A prefeitura nos ajudou na manutenção e recuperação do prédio. Jornalistas estrangeiros ficam impressionados com a qualidade do prédio", ressaltou. 

Para comemorar a data, a ABI vai realizar um seminário sobre direito digital nas eleições, que será realizado nesta quinta-feira (18), na sede do órgão, às 10h. "Muitos irão fazer uso dos blogs, sites e já existe uma legislação permanente. Também vamos participando das atividades na área de Direitos Humanos e Meio Ambiente", disse Walter Pinheiro. 

Notícias relacionadas