Bahia

Sesab reserva leitos e medicamento específico para portadores da Guilain-Barré

Dezoito leitos de três hospitais de Salvador foram reservados pela Secretaria de Saúde do Estado apenas para atendimento de pessoas com suspeita da Síndrome de Guilain-Barré. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Divulgação/Secom

Por Cristiele França no dia 09 de Julho de 2015 ⋅ 15:25

Dezoito leitos de três hospitais de Salvador foram reservados pela Secretaria de Saúde do Estado apenas para o atendimento de pessoas com suspeita da Síndrome de Guilain-Barré. O governo confirmou uma morte dentre 55 casos registrados no estado, sendo que os dois primeiros foram informados em junho. São oito leitos no Hospital Roberto Santos, seis leitos no Couto Maia e quatro no Hospital das Clínicas.

Em entrevista esta semana ao programa Metrópole Saúde, a médica infectologista Ceucy Nunes explicou que a doença é uma das alterações neurológicas associadas a doenças virais, como a Zica. “Uma dessas alterações neurológicas, que é a mais grave de todas, é a síndrome de Guilain-Barré que se caracteriza por fraqueza, dormência nos membros inferiores que é ascendente, acompanhada de alteração motora, então a pessoa tem dificuldade de movimentar os membros. Há alteração de sensibilidade também e o grande problema é ela chegar na musculatura respiratória”, explicou.

Por conta do aumento dos casos notificados, trezentas unidades do medicamento imunoglobulina, utilizado para o tratamento da síndrome foram enviadas ao estado pelo Ministério da Saúde. “Existe tratamento e esse diagnóstico é feito com o estudo do liquor [líquido retirado da medula espinhal]”, adianta.

Em Feira de Santana, uma menina de seis anos diagnosticada com a síndrome está internada no Hospital Estadual da Criança. Ela deu entrada na última quarta-feira com fortes dores e sem o movimento das pernas.

Notícias relacionadas

[Justiça baiana suspende apreensão de veículos com IPVA atrasado]
Bahia

Justiça baiana suspende apreensão de veículos com IPVA atrasado

Por Alexandre Galvão no dia 16 de Novembro de 2018 ⋅ 13:18 em Bahia

​​​​​​​A decisão diz ainda que as razões que fundamentam o pedido de tutela da OAB-BA se mostram relevantes e que a apreensão de veículos com IPVA atrasado traz constrang...