Bahia

Incra diz que fazenda de Gilberto Gil não foi repassada ao órgão

Em nota enviada ao Metro1, a Superintendência Regional do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), afirmou que uma fazenda doada pelo cantor Gilberto Gilao Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) não foi repassada ao órgão. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Agência Brasil

Por Matheus Morais no dia 06 de Setembro de 2016 ⋅ 08:38

Em nota enviada ao Metro1, a Superintendência Regional do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), afirmou que uma fazenda doada pelo cantor Gilberto Gil  ao Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) não foi repassada ao órgão. Ainda segundo o Incra, de acordo com a legislação, "não é possível criar assentamento numa área de 70 hectares de terras. Essa área tem capacidade de, no máximo, assentar duas famílias". 

Ainda segundo o órgão, "a legislação determina que só é viável a criação de assentamentos rurais em áreas com capacidade mínima para receber 15 famílias". O jornal Folha de S. Paulo publicou uma reportagem em sua edição de segunda-feira (5) que diz que uma fazenda doada pelo cantor e compositor Gilberto Gil, há mais de 10 anos, ao Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), na zona rural da cidade de Cravolândia, não tem moradores fixos. 

Notícias relacionadas