Bahia

TCE desaprova contas de quatro unidades da Sesab

Em decisão unânime, o Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE-BA) desaprovou, no dia 19 de agosto, as contas de quatro unidades de saúde administradas pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), referentes ao ano de 2006 [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Ivan Erick/Secom Bahia

Por Bárbara Silveira no dia 08 de Setembro de 2016 ⋅ 15:47

O Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE-BA) divulgou nesta quinta-feira (8)  a decisão que desaprovou as contas de quatro unidades de saúde administradas pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), referentes ao ano de 2006. De forma unânime, a decisão é datada do dia 19 de agosto. 

De acordo com relatório da 5ª Coordenadoria de Controle Externo (CCE), foram encontradas várias irregularidades "graves" nas prestações de contas do Hospital Roberto Santos, Hospital Geral de Vitória da Conquista, Hospital Geral Prado Valadares, de Jequié, e da Superintendência de Acompanhamento e Avaliação da Rede Própria, de Surede.

O relator do processo, conselheiro Gildásio Penedo Filho, determinou ainda multa sancionatória de R$ 2 mil aos gestores José Carlos de Carvalho Pitangueiras (Hospital Central Roberto Santos), Nadya Fernando Modesto Habib (Hospital Geral de Vitória da Conquista), Eduardo Magno Senhorinho Silva (Hospital Prado Valadares) e Maria Nita Pinheiro Ferraz (Surede). De acordo com o TCE, as outras unidades administradas pela Sesab tiveram as contas de 2006 aprovadas com ressalvas e recomendações.

Notícias relacionadas