Bahia

Após eleições, população de Santo Amaro queima judas de prefeito do PT

Revoltados com a gestão do ainda prefeito de Santo Amaro da Purificação, Ricardo Jasson Magalhães do Carmo (PT), a população do município, localizado no Recôncavo Baiano, tocou fogo em um poster do político, na noite da última segunda-feira (3). [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Leitor Metro1

Por Camila Tíssia e Jéssica Galvão no dia 05 de Outubro de 2016 ⋅ 11:19

Revoltados com a gestão do ainda prefeito de Santo Amaro da Purificação, Ricardo Jasson Magalhães do Carmo (PT), a população do município, localizado no Recôncavo Baiano, tocou fogo em um poster do político, na noite da última segunda-feira (3). 

Eleitores contrários ao Partido dos Trabalhadores fizeram uma fogueira, além de queimarem adesivos e santinhos do partido, após as eleições de domingo (2). Aos gritos de "vai embora saruê", os manifestantes também soltaram fogos, comemorando a saída do petista da administração da cidade. 

O candidato Flaviano Rohrs (DEM), venceu a disputa pela prefeitura do local com 51,8 % dos votos. Já o candidato do PT, Leo Pacheco, vice-prefeito e que seria sucessor de Ricardo, ficou em segundo lugar com 35,8 % dos votos. 

Leia mais:

Após pedido de cassação, prefeito de Santo Amaro diz que vai recorrer

Prefeito de Santo Amaro tem afastamento decretado e obras são investigadas

Vice-prefeito de Santo Amaro é preso em operação do MP, diz TV

Notícias relacionadas