Bahia

Deputado diz que fim das vaquejadas é "evolução" da sociedade

O defensor dos animais deputado Marcell Moraes (PV), falou durante debate realizado nesta quinta-feira (20), durante o Jornal da Cidade 2ª Edição, da Rádio Metrópole, sobre a proibição da prática da vaquejada no país, que a tendência da sociedade é "evoluir". Segundo Moraes, "não vai ser agora, mas a tendência é a evolução da sociedade continuar e os animais serem mais respeitados". [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Tácio Moreira/ Metropress

Por Jessica Galvão no dia 20 de Outubro de 2016 ⋅ 17:48

O deputado Marcell Moraes (PV), conhecido com defensor dos animais, falou durante debate realizado nesta quinta-feira (20), no Jornal da Cidade 2ª Edição, da Rádio Metrópole, sobre a proibição da prática da vaquejada no país, que a tendência da sociedade é "evoluir". Segundo Moraes, "não vai ser agora, mas a tendência é a evolução da sociedade continuar e os animais serem mais respeitados".

"Acho que não vai ser uma discussão para 20 anos. Eu lembro que em 12 de junho de 2010, eu era presidente de uma ONG chamada Germen, resgatamos elefantes do Circo Portugal que estava sofrendo maus-tratos. Nessa época tinha Orkut, e quando eu publiquei isso, e eu não era vereador nem deputado, as pessoas me criticavam, principalmente porque o circo estava localizado na região de Cajazeiras e as pessoas não entendiam: 'É um absurdo, o circo vem aqui e agora resgataram os elefantes'. Hoje, se você falar em animais de circo, a sociedade já entende que é maus-tratos e já entende que não deve ter animais em circo. Há dez anos, quando a gente começou a falar de animais, de vaquejada, as pessoas achavam impossível que isso fosse ocorrer um dia o mínimo de discussão, ou seja, a sociedade se evolui a todo momento e eu não tenho dúvida, não vai ser agora, mas a tendência é a evolução da sociedade continuar e os animais serem mais respeitados", disse.

Notícias relacionadas