Bahia

Sesab já registrou mais de 94 mil casos suspeitos de dengue, zika e chikungunya

[Imagem not found]
Foto : Divulgação

Por Matheus Simoni no dia 29 de Julho de 2015 ⋅ 19:35

De acordo com o balanço divulgado pela Secretaria de Saúde (Sesab), nesta quarta-feira (29), a Bahia registrou 94.723 casos suspeitos de dengue, chukungunya e zika na Bahia até o fim de julho deste ano. Do total, a maior parte das suspeitas é de dengue, que possui 50.896 casos suspeitos, seguida da zika, com 34.518 notificações. A chikungunya aparece com 9.312. As doenças são consideradas epidêmicas no estado, principalmente nas regiões centro-leste e leste.

Segundo a Sesab, de janeiro e abril deste ano, houve um aumento progressivo no risco da pessoa adquirir a doença. No caso da zika e chikungunya, a incidência ficou mais forte a partir de março, com 200 casos para cada 100 mil habitantes e 61 mil para cada 100 mil, respectivamente. Sobre a síndrome de Guillain-Barré, a Bahia registrou 115 casos até o último dia 23 de julho, sendo que 53 tiveram a doença confirmada, 24 descartadas e 32 ainda permanecem em investigação.

Notícias relacionadas