Bahia

Ufba deve oficializar greve de professores e servidores ainda esta semana

[Imagem not found]
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Metro1 no dia 27 de Maio de 2015 ⋅ 19:55

O clima na Universidade Federal da Bahia é mesmo de tensão. A semana, que começou com um ato público promovido pela reitoria em defesa da instituição, pode terminar com duas categorias em greve: servidores e professores. 

Nesta quinta-feira (28), às 9h, na Politécnica, os servidores se reúnem para avaliar se entram em greve. Segundo apurou o Metro1, há grande probabilidade de uma paralisação já a partir da sexta (29). Em 2014, a categoria ficou três meses parada, entre março e junho.

Já às 14h30, no auditório do PAF I, em Ondina, o Sindicato dos Professores das Instituições Federais de Ensino Superior da Bahia (Apub) vota o indicativo de greve. Neste caso, conforme o Metro1 apurou, há mais empecilhos para a decisão — uma delas é a intenção de encerrar o semestre antes de parar, defendida pela maioria dos professores.

Segundo alguns docentes mais próximos da reitoria, a paralisação faz-se necessária por conta da necessidade de pressionar o governo federal, uma vez que a redução nos repasses pode afetar fortemente os setores de ensino, pesquisa e extensão da universidade. Ainda há, porém, setores resistentes à paralisação, que podem impedi-la.

Notícias relacionadas