Brasil

Após cinco anos preso, jornalista Pimenta Neves passa para regime aberto

Após decisão tomada no último dia 10 de fevereiro, pelo juiz Carlos Henrique Scala de Almeida, após cinco anos preso, o jornalista Antonio Marcos Pimenta Neves, condenado pela morte da também jornalista Sandra Gomide, foi transferido do regime semiaberto para o regime aberto. [Leia mais...]

[Após cinco anos preso, jornalista Pimenta Neves passa para regime aberto]
Foto : Reprodução/G1

Por Bárbara Silveira no dia 18 de Fevereiro de 2016 ⋅ 11:41

Após decisão tomada no último dia 10 de fevereiro, pelo juiz Carlos Henrique Scala de Almeida, após cinco anos preso, o jornalista Antonio Marcos Pimenta Neves, condenado pela morte da também jornalista Sandra Gomide, foi transferido do regime semiaberto para o regime aberto.

De acordo com o juiz, Pimenta Neves teve “bom comportamento” na prisão e cumpriu o período necessário para a progressão de regime. Com a mudança, o jornalista não poderá sair no período noturno nem se ausentar da comarca.

Ex-diretor de redação de “O Estado de S.Paulo”, Pimenta Neves foi condenado a 19 anos, 2 meses e 12 dias de prisão em maio de 2006, pela morte de Sandra, que era sua ex-namorada. No ano 2000, em 20 de agosto, o jornalista assassinou Sandra com dois tiros, à queima roupa, no Haras Setti, em Ibiúna, onde os dois mantinham seus cavalos.

Notícias relacionadas