Brasil

Polícia divulga retrato falado de suspeito de assassinar menina em Petrolina

A Polícia Civil divulgou, na manhã desta segunda-feira (22), o retrato falado do suspeito de ter assassinado a menina Beatriz Angélica Mota, de 7 anos, no dia 10 de dezembro, em Petrolina, Pernambuco. A imagem foi feita com base no depoimentos da mãe da menina, Lucia Mota, e mais duas testemunhas. [Leia mais...]

[Polícia divulga retrato falado de suspeito de assassinar menina em Petrolina]
Foto : Divulgação/Ascom/PC

Por Bárbara Silveira no dia 22 de Fevereiro de 2016 ⋅ 12:48

A Polícia Civil divulgou, na manhã desta segunda-feira (22), o retrato falado do suspeito de ter assassinado a menina Beatriz Angélica Mota, de 7 anos, no dia 10 de dezembro, em Petrolina, Pernambuco. A imagem foi feita com base no depoimentos da mãe da menina, Lucia Mota, e mais duas testemunhas.

De acordo com a polícia, 80 pessoas que estavam na solenidade de formatura do Colégio Nossa Senhora Maria Auxiliadora, onde o crime aconteceu, foram ouvidas e apontaram que o homem estaria próximo ao banheiro feminino. O suspeito é moreno, tem cerca de 1,70m, pesa aproximadamente 70 quilos e tem cabelos cacheados.

"Uma testemunha viu ele dentro do banheiro feminino, outra viu ele sentado por muito tempo próximo ao bebedouro - só para reforçar que o corpo da criança foi encontrado próximo a esse bebedouro. Ele também foi visto dentro do banheiro masculino lavando o cabelo, lavando o rosto. Uma testemunha também o viu saindo do local onde o corpo da menina foi encontrado", explicou o delegado responsável pelo caso, Marceone Jacinto, ao G1.

Comentarios

Notícias relacionadas

[Rosa Weber é eleita presidente do TSE]
Brasil

Rosa Weber é eleita presidente do TSE

Por Metro1 no dia 20 de Junho de 2018 ⋅ 13:40 em Brasil

Ministra vai presidir as eleições de outubro e deve permanecer no cargo até maio de 2020

[TCU vai investigar cobrança de bagagem por aéreas]
Brasil

TCU vai investigar cobrança de bagagem por aéreas

Por Metro1 no dia 19 de Junho de 2018 ⋅ 13:20 em Brasil

Valor cobrado pelo despacho em voos domésticos foi autorizado pela Anac, por meio de resolução, em dezembro de 2016, e aplicada a partir de abril de 2017