Brasil

Questão nuclear é tratada como prioridade, afirma ministério

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação afirma que está tratando como prioridade a questão nuclear no Brasil. Segundo o presidente da Indústrias Nucleares do Brasil (INB), empresa vinculada ao ministério, Aquilino Senra, essa é uma área estratégica para o país. [Leia mais...]

[Questão nuclear é tratada como prioridade, afirma ministério]
Foto : Agência Brasil

Por Bárbara Silveira no dia 21 de Junho de 2015 ⋅ 13:28

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação afirma que está tratando como prioridade a questão nuclear no Brasil. Segundo o presidente da Indústrias Nucleares do Brasil (INB), empresa vinculada ao ministério, Aquilino Senra, essa é uma área estratégica para o país. “Não só para a geração de energia, aplicar em áreas como a medicina ou a produção de radiofármacos [compostos utilizados em medicina nuclear]”, disse em entrevista à Agência Brasil.

Segundo Senra, a participação nuclear na matriz energética ainda é inferior a 2% e a proposta é ampliar essa participação para algo em torno de 5%. “Eu acho que essa decisão está bem próxima. O Brasil é um dos poucos países que têm minério de urânio, domínio da tecnologia para beneficiar esse urânio e faz uso para a geração de energia elétrica. Só tem três países no mundo com essas características. São o Brasil, a Rússia e os Estados Unidos. Isso é um diferencial”, disse. 

Comentarios

Notícias relacionadas

[Inscrições para o Fies terminam neste domingo]
Brasil

Inscrições para o Fies terminam neste domingo

Por Alexandre Galvão no dia 20 de Julho de 2018 ⋅ 21:00 em Brasil

Pode concorrer às vagas quem fez uma das edições do Enem a partir de 2010 e teve média igual ou superior a 450 pontos, nem zerou a redação

[Dr. Bumbum é preso após 4 dias foragido]
Brasil

Dr. Bumbum é preso após 4 dias foragido

Por Marina Hortélio no dia 19 de Julho de 2018 ⋅ 16:00 em Brasil

O médico fugiu após uma paciente ter morrido decorrente de complicações de um procedimento cirúrgico na casa de Denis

[Governo americano barra remessas de canabidiol ao Brasil]
Brasil

Governo americano barra remessas de canabidiol ao Brasil

Por Matheus Simoni no dia 18 de Julho de 2018 ⋅ 22:00 em Brasil

Feito à base de maconha, o composto não é produzido no Brasil e só pode ser importado com autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária