Brasil

Luis Fernando Veríssimo é internado com infecção respiratória

O escritor Luís Fernando Veríssimo, de 79 anos, está internado no hospital Pró-Cardíaco, no Rio de Janeiro, desde a última sexta-feira (25). De acordo com o boletim médico da assessoria de imprensa do hospital, divulgado nesta segunda-feira (28), Veríssimo apresenta um quadro de infecção respiratória [Leia mais...]

[Luis Fernando Veríssimo é internado com infecção respiratória]
Foto : Reprodução/ Cultura Brasil

Por Alaine Brasil no dia 28 de Março de 2016 ⋅ 16:50

O escritor Luís Fernando Veríssimo, de 79 anos, está internado no hospital Pró-Cardíaco, no Rio de Janeiro, desde a última sexta-feira (25). De acordo com o boletim médico da assessoria de imprensa do hospital, divulgado nesta segunda-feira (28), o escritor apresenta um quadro de infecção respiratória. “O Hospital Pró-Cardíaco informa que o escritor Luis Fernando Veríssimo permanece internado para tratamento de infecção respiratória e arritmia cardíaca. Seu estado de saúde é estável”.

Veríssimo já foi internado em 2013 no Centro de Terapia Intensiva (CTI) do Hospital Moinhos de Vento, em Porto Alegre, após apresentar dores no peito. Ele ficou internado no Centro, porém, seu estado clínico melhorou, sendo transferido para um apartamento e dias depois, liberado do hospital.

Notícias relacionadas

[Sisu abre inscrições na terça]
Brasil

Sisu abre inscrições na terça

Por Aline Reis no dia 20 de Janeiro de 2019 ⋅ 18:00 em Brasil

Nesta edição, são mais de 235,4 mil vagas distribuídas em 129 universidades públicas de todo o país.

[Eletrobras vai abrir plano de demissão consensual]
Brasil

Eletrobras vai abrir plano de demissão consensual

Por Clara Rellstab no dia 18 de Janeiro de 2019 ⋅ 10:40 em Brasil

O custo das demissões foi calculado em cerca de R$ 731 milhões. As adesões voluntárias ao PDC ocorrerão por um período de 30 dias

[Inep divulga hoje notas do Enem]
Brasil

Inep divulga hoje notas do Enem

Por Clara Rellstab no dia 18 de Janeiro de 2019 ⋅ 08:00 em Brasil

Mais de 4,1 milhões de estudantes já podem acessar a quanto obtiveram em cada uma das provas: linguagens, ciências humanas, ciências da natureza, matemática e redação