Brasil

Anvisa proíbe venda de multivitamínico com substâncias impróprias

Uma resolução da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicada nesta terça-feira (7) no Diário Oficial da União proibiu a fabricação, distribuição e comercialização do Suplemento Vitamínico [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Divulgação

Por Bárbara Silveira no dia 07 de Julho de 2015 ⋅ 16:10

Uma resolução da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicada nesta terça-feira (7) no Diário Oficial da União proibiu a fabricação, distribuição e comercialização do Suplemento Vitamínico e Mineral, marca Vitamineral Plus, que contenham glicinato de molibdênio, cromo glicinato nicotinato e selênio glicinato.

De acordo com a Anvisa, as três substâncias não possuem testes de segurança realizado pela Anvisa para alimentos e ingredientes para consumo humano. A Avert Laboratórios Ltda., fabricante do produto, ainda não se pronunciou sobre o caso.

Notícias relacionadas

[Saída de cubanos poderá deixar 611 cidades sem médicos]
Brasil

Saída de cubanos poderá deixar 611 cidades sem médicos

Por Juliana Rodrigues no dia 18 de Novembro de 2018 ⋅ 07:30 em Brasil

Segundo o presidente do Conasems, profissionais de Cuba foram os únicos a aceitar trabalhar em unidades de saúde que ficam em cidades mais isoladas ou pobres