Brasil

Jornalista Geneton Moraes Neto morre aos 60 anos no Rio de Janeiro

O jornalista e escritor Geneton Moraes Neto morreu nesta segunda-feira (22) no Rio de Janeiro, aos 60 anos de idade. Ele estava internado desde maio na Unidade de Terapia Intensiva da Clínica São Vicente, na Zona Sul da cidade, em decorrência de complicações resultantes de um aneurisma na artéria aorta.[Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Divulgação/O Globo

Por Matheus Simoni no dia 22 de Agosto de 2016 ⋅ 20:14

O jornalista e escritor Geneton Moraes Neto morreu nesta segunda-feira (22) no Rio de Janeiro, aos 60 anos de idade. Ele estava internado desde maio na Unidade de Terapia Intensiva da Clínica São Vicente, na Zona Sul da cidade, em decorrência de complicações resultantes de um aneurisma na artéria aorta. Ele deixa viúva, duas filhas e netos.

Geneton estava no quadro de funcionários da Rede Globo desde 1985. Repórter especial da GloboNews desde 2006, ele acumulava mais de quatro décadas de atividade no jornalismo. Seu primeiro trabalho na área foi no Diário de Pernambuco, quando tinha apenas 16 anos, em 1972. Sua relação com o jornal, no entanto, era a mais antiga: aos 13 anos de idade, teve textos publicados no suplemento infantil Junior.

Além de reportagens, Geneton Moraes Neto publicou diversos livros, dentre eles “Hitler/Stalin: o Pacto Maldito”, “Nitroglicerina Pura”, “O Dossiê Drummond: a Última Entrevista do Poeta”, “Dossiê Brasil”, “Dossiê 50: os Onze Jogadores Revelam os Segredos da Maior Tragédia do Futebol Brasileiro”, “Dossiê Moscou, “Dossiê História: um repórter encontra personagens e testemunhas de grandes tragédias da história mundial” e “Dossiê Gabeira”.

Notícias relacionadas

[STF define que é crime fugir do local do acidente de trânsito]
Brasil

STF define que é crime fugir do local do acidente de trânsito

Por Marina Hortélio no dia 14 de Novembro de 2018 ⋅ 21:00 em Brasil

A maioria dos magistrados compreendeu que a punição para quem deixa o local do acidente não fere a garantia do cidadão de não ser obrigado a produzir prova contra si mesm...