Brasil

Ministro da Fazenda afirma que reduzir meta fiscal é uma "ilusão"

O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, afirmou que reduzir a meta fiscal é uma "ilusão" e pode até levar a um aprofundamento do arrocho nas contas públicas. Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, publicada neste domingo (19), ele justificou os motivos da adoção da política econômica para superar a crise. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/Veja

Por Matheus Simoni no dia 19 de Julho de 2015 ⋅ 18:56

O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, afirmou que reduzir a meta fiscal é uma "ilusão" e pode até levar a um aprofundamento do arrocho nas contas públicas. Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, publicada neste domingo (19), ele justificou os motivos da adoção da política econômica para superar a crise. "Os observadores às vezes têm uma ilusão. 'Ah, então baixou a meta porque acabou o ajuste'. Na verdade, se tiver de baixar, é porque o ajuste tem de continuar, tem de se aprofundar", disse. Levy reforçou sua visão sobre a disputa que o coloca em lado oposto ao da ala política do governo e do Ministério do Planejamento, defensores de uma redução imediata da meta fiscal. "É ilusão, 'baixou a meta, então acabou o ajuste'. Não, baixou é porque vai ter mais ajuste", repetiu.

Notícias relacionadas

[MP denuncia hackers por fraudes virtuais]
Brasil

MP denuncia hackers por fraudes virtuais

Por Marina Hortélio no dia 17 de Setembro de 2018 ⋅ 19:00 em Brasil

Órgão estima que a organização tenha roubado mais de R$ 30 milhões entre 2016 e 2017