Brasil

TSE lança campanha nas redes sociais para acabar com mitos eleitorais

Para esclarecer questões duvidosas sobre o processo de votação, opções de voto e o resultado de uma eleição, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lançou neste domingo (18) em suas redes sociais a campanha Mitos Eleitorais. O primeiro tema a ser abordado na fanpage do Facebook e no perfil do tribunal no Twitter será \'Votar nulo anula uma eleição?\'. [Leia mais...]

[TSE lança campanha nas redes sociais para acabar com mitos eleitorais]
Foto : Reprodução / Twitter

Por Laura Lorenzo no dia 18 de Junho de 2017 ⋅ 12:35

Para esclarecer questões duvidosas sobre o processo de votação, opções de voto e o resultado de uma eleição, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lançou neste domingo (18) em suas redes sociais a campanha Mitos Eleitorais. O primeiro tema a ser abordado na fanpage do Facebook e no perfil do tribunal no Twitter será \'Votar nulo anula uma eleição?\'.

A campanha vai ser veiculada em junho e em julho, e tem como intuito desmistificar alguns temas e esclarecer o eleitor brasileiro. Para isso, foram criados nove vídeos de curta duração, animados, com infográficos para as redes sociais.

Os outros temas da campanha são \'Voto em branco vai para quem está ganhando?\', \'Voto em branco é igual a voto nulo?\', \'É eleito sempre o candidato que possui mais votos?\', \'Quem não votou na última eleição não pode votar na próxima?\', \'Depois da eleição é possível saber em quem o eleitor votou?\', \'Quem é convocado para ser mesário, será convocado sempre?\', \'Ninguém pode ser preso no dia da eleição?\' e \'O eleitor pode votar usando a camiseta do seu partido?\'.

O eleitor também pode participar de um jogo para testar seus conhecimentos no perfil do tribunal no Twitter.

Comentarios

Notícias relacionadas

[Exército aciona tropas para liberar rodovias]
BrasilGREVE DOS CAMINHONEIROS

Exército aciona tropas para liberar rodovias

Por Metro1 no dia 26 de Maio de 2018 ⋅ 13:20 em Brasil

A medida determina que as Forças Armadas tem autorização para remover ou conduzir veículos que estiverem obstruindo vias públicas

[Delator do Fifagate, J. Hawilla morre aos 74 anos]
Brasil

Delator do Fifagate, J. Hawilla morre aos 74 anos

Por Metro1 no dia 25 de Maio de 2018 ⋅ 20:30 em Brasil

J. Hawilla fez um acordo de delação com a justiça norte-americana para revelar as irregularidades em contratos comerciais de várias competições esportivas