Brasil

Executivo se escondeu na casa de Odebrecht durante buscas, diz PF

Interceptações telefônicas realizadas pela Polícia Federal revelam que um dos executivos do grupo Rogério Santos Araújo teria se escondido na cada do presidente da Odebrecht, Marcelo Bahia Odebrecht. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução / Estadão

Por Camila Tíssia no dia 15 de Agosto de 2015 ⋅ 10:30

Interceptações telefônicas realizadas pela Polícia Federal revelam que um dos executivos do grupo Rogério Santos Araújo teria se escondido na cada do presidente da Odebrecht, Marcelo Bahia Odebrecht. De acordo com informações publicadas pelo jornal Estadão, na ocasião, a força-tarefa da Operação Lava Jato fez buscas na residência de Araújo durante a 7ª fase da Lava Jato, em novembro do ano passado, a Juízo Final. 
 
Para os investigadores os novos indícios reforçam as suspeitas sobre as anotações no celular de Odebrecht e indicam que havia uma "estratégia da corporação" para se prevenir das investigações da Lava Jato.
 
As suspeitas da PF se baseiam no telefonema entre a esposa e a filha de Marcelo Odebrecht no dia em que foi deflagrada a 14 ª fase da Lava Jato, em 19 de junho de 2015, quando Marcelo foi preso com outros executivos. Os investigadores estão convencidos de que a empreiteira tentou prejudicar as investigações. 

Notícias relacionadas