Brasil

Cui Bono: operação que prendeu Geddel Vieira Lima está na 4ª fase, diz PF

A prisão do ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) é fruto da Operação Cui Bono. A afirmação é da Polícia Federal (PF), que conduziu o peemedebista na manhã desta sexta-feira (8). Geddel foi levado para Brasília, no Distrito Federal. O ex-superintendente da Defesa Civil de Salvador (Codesal), Gustavo Ferraz, também foi preso. [Leia mais...]

[Cui Bono: operação que prendeu Geddel Vieira Lima está na 4ª fase, diz PF ]
Foto : Reprodução/Agência Brasil

Por Gabriel Nascimento no dia 08 de Setembro de 2017 ⋅ 09:48

A prisão do ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) é fruto da Operação Cui Bono. A afirmação é da Polícia Federal (PF), que conduziu o peemedebista na manhã desta sexta-feira (8). Geddel foi levado para Brasília, no Distrito Federal. O ex-superintendente da Defesa Civil de Salvador (Codesal), Gustavo Ferraz, também foi preso.

Ainda de acordo com a PF, é a 4ª fase da operação, um desdobramento de outra ação, intitulada Tesouro Perdido. Ao todo, são 5 mandados judiciais, sendo 3 mandados de busca e apreensão e 2 mandados de prisão preventiva.

Notícias relacionadas