Brasil

Decisão do TST determina que Correios mantenham 80% do efetivo

Uma decisão do Tribunal Superior do Trabalho (TST) determinou que os Correios, que estão em greve por tempo indeterminado, terão de manter 80% do seu efetivo. O eventual descumprimento da decisão será punido com multa diária de R$ 100 mil. [Leia mais...]

[Decisão do TST determina que Correios mantenham 80% do efetivo]
Foto : Fernando Frazão/ Agência Brasil

Por Laura Lorenzo no dia 26 de Setembro de 2017 ⋅ 15:50

Uma decisão do Tribunal Superior do Trabalho (TST) determinou que os Correios, que estão em greve por tempo indeterminado, terão de manter 80% do seu efetivo. O eventual descumprimento da decisão será punido com multa diária de R$ 100 mil.

De acordo com um levantamento divulgado pela empresa, mais de 98 mil funcionários (90,6% do total) não aderiram à paralisação, mas em algumas unidades o porcentual de atendentes é inferior ao decidido pelo TST. O site do Congresso em Foco informa que 23 estados – inclusive a Bahia – e o Distrito Federal foram atingidos pela greve.

Notícias relacionadas