Brasil

Lewandowski permite que Abdelmassih volte a cumprir prisão domiciliar

O ex-médico Roger Abdelmassih vai cumprir prisão domiciliar novamente. A decisão foi tomada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski que levou em consideração o comportamento dele na prisão, além do atual quadro clínico de Abdelmassih. A ordem de cumprimento da decisão chegou ao presídio na noite da última sexta-feira, por volta das 22h30. [Leia mais...]

[Lewandowski permite que Abdelmassih volte a cumprir prisão domiciliar]
Foto : Secretaria Nacional De Antidrogas do Paraguai

Por Jessica Galvão no dia 30 de Setembro de 2017 ⋅ 14:33

O ex-médico Roger Abdelmassih vai cumprir prisão domiciliar novamente. A decisão foi tomada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski que levou em consideração o comportamento dele na prisão, além do atual quadro clínico de Abdelmassih. A ordem de cumprimento da decisão chegou ao presídio na noite da última sexta-feira (29), por volta das 22h30.

Condenado a 181 anos de prisão por 48 estupros de 37 pacientes, Roger Abdelmassih está preso no presídio Doutor José Augusto Salgado, a P2, desde o último dia 24 de agosto após receber alta do Centro Hospital do Sistema Penitenciário, em São Paulo, onde tratava problemas cardíacos. Ele deve retornar ao apartamento da esposa, em São Paulo.

Notícias relacionadas