Brasil

MP denuncia hackers por fraudes virtuais

Órgão estima que a organização tenha roubado mais de R$ 30 milhões entre 2016 e 2017

[MP denuncia hackers por fraudes virtuais]
Foto : Supershabashnyi/iStock/Getty Images

Por Marina Hortélio no dia 17 de Setembro de 2018 ⋅ 19:00

O Ministério Público do Rio de Janeiro apresentou hoje (17) uma acusação contra 237 integrantes de uma organização criminosa suspeita de aplicar fraudes bancárias virtuais e de lavagem de dinheiro. O grupo causou um prejuízo estimado de mais R$ 30 milhões.

De acordo com nota do MP-RJ, a denúncia é parte da segunda fase da operação Open Doors, deflagrada originalmente em agosto de 2017.

Foram expedidos 45 mandados para serem cumpridos pela Polícia Civil nos estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Minas Gerais e Bahia.

Ainda segundo a promotoria, os hackers acusados de serem integrantes da organização que tinham domínio sobre os golpes aplicados.

O Ministério Público estima que a organização tenha roubado mais de R$ 30 milhões entre 2016 e 2017. 

Após as fraudes, a organização lavava o dinheiro roubado com a compra de terrenos, apartamentos e salas comerciais.

Notícias relacionadas