Brasil

Conta de luz segue com taxa extra no mês de outubro

Tarifa continua com um adicional de R$ 5 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos; Aneel diz que decisão se deve a baixo nível de armazenamento nas usinas hidrelétricas

[Conta de luz segue com taxa extra no mês de outubro]
Foto : Marcelo Camargo / Agência Brasil

Por Daniel Brito no dia 29 de Setembro de 2018 ⋅ 18:30

A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) anunciou ontem (28) que as contas de luz vão permanecer com bandeira vermelha em seu segundo nível no mês de outubro. Com isso, a tarifa vai continuar, pelo quinto mês seguido, com um adicional de R$ 5 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos. Desde o mês de junho, a medida está em vigor.

Segundo a agência reguladora, a manutenção da bandeira vermelha acontece por causa das condições hidrológicas desfavoráveis e da redução no nível de armazenamento dos principais reservatórios das usinas hidrelétricas do país, resultado das chuvas mais fracas que o esperado para esse período.

O sistema de bandeiras tarifárias considera o nível dos reservatórios das hidrelétricas e o preço da energia no mercado à vista. Na bandeira verde, não há cobrança de taxa extra. Na bandeira amarela, a taxa é de R$ 1 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos. Já no primeiro nível da bandeira vermelha, o adicional é de R$ 3 a cada 100 kWh e, no segundo nível, a cobrança é de R$ 5 a cada 100 kWh.

Notícias relacionadas