Brasil

Caso Marielle: Witzel afirma que investigações estão próximas de um desfecho

“Talvez isso aconteça até o final desse mês", comunicou

[Caso Marielle: Witzel afirma que investigações estão próximas de um desfecho]
Foto : Tomaz Silva/Agência Brasil

Por Kamille Martinho no dia 12 de Janeiro de 2019 ⋅ 16:00

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, disse hoje (12) que as investigações dos homicídios da vereadora do Rio de Janeiro, Marielle Franco (PSOL), e do seu motorista Anderson Gomes, estão próximas de um desfecho. 

O governador ressaltou, no entanto, que não tem conhecimento de quem são as pessoas envolvidas. “Não tenho atribuição legal para olhar os autos, que estão sob sigilo".

Witzel falou das investigações durante entrevista à imprensa sobre os ajustes na administração prisional e na área de segurança pública fluminense. “Talvez isso aconteça até o final desse mês", afirmou

Entre os ajustes, estão a nomeação do coronel da Polícia Militar, Alexandre Azevedo de Jesus, para o comando da Secretaria Estadual de Administração Penitenciária (Seap) e a extinção da Secretaria Executiva do Conselho de Segurança Pública.
 

Notícias relacionadas