Brasil

Bolsonaro diz que assume Mercosul para eliminar 'viés ideológico' do bloco

Como o próximo presidente do bloco, Bolsonaro ainda pretende "enxugar sua estrutura, revisar a Tarifa Externa Comum e acelerar as negociações comerciais com grandes economias de todo o mundo"

[Bolsonaro diz que assume Mercosul para eliminar 'viés ideológico' do bloco]
Foto : Alan Santos/PR

Por Kamille Martinho no dia 17 de Julho de 2019 ⋅ 18:00

O Brasil assumiu ontem (17) a presidência rotativa do Mercosul e o presidente Jair Bolsonaro disse ter um plano para "eliminar o viés ideológico" do bloco econômico. 

"Neste semestre, assumiremos a presidência do Mercosul, com um plano de ação ambicioso: eliminar o viés ideológico do bloco, enxugar sua estrutura, revisar a Tarifa Externa Comum e acelerar as negociações comerciais com grandes economias de todo o mundo", escreveu.

Bolsonaro, que está em viagem para a cúpula do bloco, na Argentina, ainda comemorou o acordo comercial firmado entre os países do Mercosul e a União Europeia

Notícias relacionadas