Brasil

Governo Bolsonaro edita portaria que suspende verbas para filmes LGBT

De acordo com o texto, o repasse dos recursos está suspenso por 180 dias prorrogáveis por mais outros 180 dias

[Governo Bolsonaro edita portaria que suspende verbas para filmes LGBT]
Foto : Fernando Frazão/Agência Brasil

Por Kamille Martinho no dia 19 de Agosto de 2019 ⋅ 20:00

O ministro da Cidadania, Osmar Terra, publica amanhã (19) portaria que suspende o edital de chamamento para TVs públicas, com recursos do Fundo Setorial do Audiovisual. O presidente Jair Bolsonaro criticou o edital por liberar verba para filmes voltados ao público LGBT.

De acordo com o texto, o repasse dos recursos está suspenso por 180 dias prorrogáveis por mais outros 180 dias. O objetivo é dar tempo ao governo para reformular a composição do Comitê Gestor do fundo, de modo a garantir que o governo tenha controle dos projetos que serão aprovados para receber recursos públicos.

A portaria também determina a “revisão de critérios e diretrizes para a aplicação dos recursos do fundo, bem como sejam avaliados os critérios de apresentação de propostas de projetos, os parâmetros de julgamento e os limites de valor de apoio para cada linha de ação”.

Notícias relacionadas