Brasil

Governador Mauro Mendes decreta situação de emergência do Mato Grosso após queimadas

Valido por 60 dias, o decreto deve ainda ser aprovado pelo governo federal

[Governador Mauro Mendes decreta situação de emergência do Mato Grosso após queimadas]
Foto : Mayke Toscano/Secom-MT

Por Marcela Vilar no dia 10 de Setembro de 2019 ⋅ 16:00

O governador Mauro Mendes (DEM) decretou hoje (10) situação de emergência no estado do Mato Grosso após o aumento de 230% das queimadas na região, segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

Publicado no Diário Oficial do Estado, o decreto permite ações emergenciais como a busca de auxílio federal para conter os incêndios e a compra de bens materiais sem licitação.  

O texto aponta preocupação com a baixa umidade do ar no estado, que se encontra entre 7% e 20%, e pode causar danos à saúde da população local. Em Cuiabá, o período de estiagem já dura quatro meses, sem previsão de chuvas até o final do mês. 

A situação emergencial, com validade de 60 dias, deve ainda passar por aprovação do Executivo, após envio de um relatório do governador do Mato Grosso para o presidente. 

Notícias relacionadas