Domingo, 03 de julho de 2022

Cidade

Socioeducadores de quatro unidades das Cases serão demitidos em massa, diz servidor

Um dos trabalhadores relatou ao Metro1 que a diretora da unidade Salvador já comunicou decisão

Socioeducadores de quatro unidades das Cases serão demitidos em massa, diz servidor

Foto: Divulgação/GOVBA

Por: Tailane Muniz no dia 24 de setembro de 2021 às 12:59

Os agentes socioeducadores que atuam nas Comunidades de Atendimento Socioeducativo (Cases) do CIA, de Salvador, Camaçari e Feira de Santana serão demitidos em massa. A informação é de um dos trabalhadores da unidade da capital, localizada no bairro de Tancredo Neves. Em anonimato, ele disse ao Metro1 que o comunicado foi feito aos servidores na manhã desta sexta-feira (24).

As Cases são unidades de internação para adolescentes que cometeram atos infracionais e funcionam sob a responsabilidade da Fundação da Criança e do Adolescente (Fundac) - que é administrada pela Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS). Procurada, a pasta negou a informação e afirmou, por meio de nota [veja íntegra abaixo], que mantém "uma relação de diálogo com os trabalhadores".

Funcionário em Salvador há 15 anos, o socioeducador disse ainda que a justificativa foi a renovação do quadro. "Eles vão nos descartar assim, sem mais nem menos, e vão abrir concurso por Reda [Regime Especial de Direito Administrativo]". De acordo com o trabalhador, os servidores que atuam nas Cases são terceirizados pela Fundação José Silveira. A reportagem procurou a instituição, que ainda não retornou o contato.

Conforme o servidor, os quadros de outros setores já foram renovados, também por meio de um Reda. "Não sei o que faremos agora, já com uma idade avançada. É muito difícil para nós, pais e mães de família", lamenta o socioeducador.

Diretor administrativo e financeiro do Sindicato dos Agentes Penitenciários e Socioeducadores (Sindap), João Dantas confirmou a informação. Ele comentou, contudo, que embora o anúncio já tenha sido feito, o processo seletivo que vai contratar profissionais da categoria ainda não foi publicado no Diário Oficial do Estado - o que é uma regra.

"A Fundac fez um processo seletivo de Reda para o sistema administrativo-curricular, então já iniciou esse chamamento. Agora, entram na segunda fase, que é a dos socioeducadores. De fato, são funcionários que têm mais de 15, 20 anos de Cases". João afirmou ainda que o sindicato aguarda a publicação do processo seletivo para se movimentar de forma contrária.

Confira a íntegra do posicionamentos da SJDHDS

"A Fundação da Criança e do Adolescente (FUNDAC), órgão da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social da Bahia (SJDHDS), vem a público afirmar que são infundados os boatos sobre possível demissão em massa de colaboradores do órgão, denunciada a este veículo de comunicação. A Direção da FUNDAC esclarece ainda que mantém uma relação de diálogo com o Sindicato dos Agentes Disciplinares Penitenciários e Agentes Socioeducadores (SINDAP) e os trabalhadores. Todas as informações oficiais são divulgadas através dos meios de comunicação que a instituição dispõe".

 

Socioeducadores de quatro unidades das Cases serão demitidos em massa, diz servidor - Metro 1