Cidade

Em greve, servidores da Transalvador param atividades por 48 horas

Após assembleia realizada na última quarta-feira (27), servidores da Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador), decretaram estado de greve e devem paralisar as atividades a partir da próxima terça-feira (02). De acordo com a Associação dos Servidores em Transporte e Trânsito do Município (ASTRAM), o motivo alegado é a falta de negociação da prefeitura no valor da Operação Carnaval 2016. [Leia mais...]

[Em greve, servidores da Transalvador param atividades por 48 horas]
Foto : Divulgação

Por Jessica Galvão no dia 28 de Janeiro de 2016 ⋅ 15:20

Após assembleia realizada na última quarta-feira (27), servidores da Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador), decretaram estado de greve e devem paralisar as atividades a partir da próxima terça-feira (02). De acordo com a Associação dos Servidores em Transporte e Trânsito do Município (ASTRAM), o motivo alegado é a falta de negociação da prefeitura no valor da Operação Carnaval 2016.

“Em novembro do ano passado entregamos a administração uma proposta de reajuste para Operação Carnaval 2016, até o presente momento não recebemos nenhum retorno e nenhuma outra proposta foi feita. O que temos de informação é que o valor da hora da Operação Carnaval 2016 será o mesmo de 2015, sem nem a reposição inflacionária do período, e isso a categoria já mostrou que não irá aceitar”, informou Luiz Bahia, presidente da ASTRAM.

A categoria volta a se reunir em assembléia na próxima segunda-feira (01), no pátio da GTRAN, a partir das 11h, onde deve ser decretada greve por 48 horas.

Comentarios

Notícias relacionadas