Cidade

Mulher é retirada do bloco Largadinho por usar suposto abadá falso

O trio da cantora Claudia Leitte, que arrasta o bloco Largadinho, chegou ao Farol da Barra nesta segunda-feira (8), com uma hora de atraso [Leia mais...]

[Mulher é retirada do bloco Largadinho por usar suposto abadá falso]
Foto : Mauro Zaniboni/Ag Haack/Agecom

Por Alaine Brasil no dia 08 de Fevereiro de 2016 ⋅ 20:30

O trio da cantora Claudia Leitte, que arrasta o bloco Largadinho, chegou ao Farol da Barra nesta segunda-feira (8), com uma hora de atraso. Na concentração, próximo ao Hospital Espanhol, a produção do Bloco Largadinho, que sai nesta segunda e terça-feira sob o comando da cantora Claudia Leitte no Circuito Dodô (Barra-Ondina), identificou uma foliã com o abadá supostamente falso. Ela foi retirada e o bloco seguiu, por volta das 19h.

De acordo com informações do Correio, um segurança e um profissional da produção abordaram a técnica de enfermagem Cláudia Xavier, 42 anos, e rasgaram o abadá que ela vestia. Segundo testemunhas, ela foi forçada a sair do bloco e, depois, seguiu para prestar queixa na Delegacia da Barra. Ao ser abordada pelo segurança, a vítima afirmou que havia comprado a camisa com um cambista. Após o episódio, a produção do bloco afirmou que só será permitida a permanência dentro das cordas os foliões que estiverem com o abadá original. Quem for visto com abadá falso, será retirado do local. 

Notícias relacionadas