Cidade

Fim dos blocos? Prefeitura quer "reduzir cordas o máximo possível"

Em entrevista à Rádio Metrópole na manhã desta quinta-feira (11), o secretário Municipal de Cultura e Turismo, Érico Mendonça, falou sobre o desafio de um Carnaval sem cordas e os índices satisfatórios em relação aos quesitos de segurança, diversidade musical e ampliação de atrações para o folião pipoca. [Leia mais...

[Fim dos blocos? Prefeitura quer
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Alane Brasil no dia 11 de Fevereiro de 2016 ⋅ 15:25

Em entrevista à Rádio Metrópole na manhã desta quinta-feira (11), o secretário Municipal de Cultura e Turismo, Érico Mendonça, falou sobre o desafio de um Carnaval sem cordas e os índices satisfatórios em relação aos quesitos de segurança, diversidade musical e ampliação de atrações para o folião pipoca. Mendonça deixou claro que a Prefeitura deseja um Carnaval com cada vez menos blocos.

“Essa iniciativa começou a se fortalecer com o Furdunço e o Fuzuê, sendo a demonstração de que é esse o modelo que as pessoas querem que retorne. O modelo dos blocos com cordas tiveram o seu ápice, e, agora, estamos nessa busca de reduzir o máximo possível e fazer com que o carnaval aconteça de forma mais democrática e segura. Sem as cordas, a violência teve queda, o folião teve mais espaço e a tendência é continuar assim", declarou.

Notícias relacionadas

[Imóvel pega fogo em Fazenda Grande 4]
Cidade

Imóvel pega fogo em Fazenda Grande 4

Por Luiza Leão no dia 15 de Agosto de 2018 ⋅ 16:40 em Cidade

Segundo a corporação, não houve vítimas e outras residências próximas não foram atingidas