Cidade

Criador do Wikileaks completa três anos refugiado em embaixada de Londres

O fundador do Wikileaks, Julien Assange, completou nesta sexta-feira (19) três anos de refúgio na Embaixada do Equador em Londres, sem ter sido interrogado pela Justiça sueca a respeito das acusações de crimes sexuais. [Leia mais...]

[Criador do Wikileaks completa três anos refugiado em embaixada de Londres]
Foto : Reprodução/ BBC

Por Gabriel Nascimento no dia 19 de Junho de 2015 ⋅ 13:01

O fundador do Wikileaks, Julien Assange, completou nesta sexta-feira (19) três anos de refúgio na Embaixada do Equador em Londres, sem ter sido interrogado pela Justiça sueca a respeito das acusações de crimes sexuais.


Para agilizar o processo, o Ministério Público sueco aceitou ir a Londres em março ouvir o australiano, de 43 anos, que nega as acusações e se nega a ir até a Suécia por medo da extradição para os Estados Unidos.


De acordo com Assange, uma audiência com a procuradora sueca Marianne Ny, marcada para quarta-feira (17), foi cancelada. O Ministério Público sueco não confirmou a anulação da sessão e anunciou que na segunda-feira foi apresentado um pedido oficial às autoridades do Reino Unido para ouvir Assange em Londres nos meses de junho e julho.


Assange comparou a vida na embaixada à vida em uma estação espacial. A área que ocupa, um escritório e uma área de habitação, dispõe de chuveiro, micro-ondas e uma lâmpada solar, além de conexão com à internet.

Notícias relacionadas