Cidade

"Para o trabalhador não é algo que agrada", diz juiz sobre Lei da Terceirização

Em entrevista à Rádio Metrópole, na manhã desta segunda-feira (18), o juiz do trabalho Rodolfo Pamplona falou sobre o Projeto de Lei da Terceirização, que foi aprovado pela Câmara dos Deputados e segue para análise do Senado. "É o mais importante projeto de lei trabalhista que tramita no Congresso Nacional. Ele passa a admitir de forma ampla a possibilidade da terceirização e isso é algo que pode parecer muito bom, mas para o trabalhador não é algo que agrada.

[
Foto : Divulgação

Por Matheus Morais no dia 18 de Maio de 2015 ⋅ 09:32

Em entrevista à Rádio Metrópole, na manhã desta segunda-feira (18), o juiz do trabalho Rodolfo Pamplona falou sobre o Projeto de Lei da Terceirização, que foi aprovado pela Câmara dos Deputados e segue para análise do Senado. "É o mais importante projeto de lei trabalhista que tramita no Congresso Nacional. Ele passa a admitir de forma ampla a possibilidade da terceirização e isso é algo que pode parecer muito bom, mas para o trabalhador não é algo que agrada.

 

O deputado Arthur Maia tem uma visão interessante sobre o tema, vivemos no dia a dia e constatamos que a atividade fim pode aumentar numericamente os postos de trabalho, mas eles são precários. Já debati com o deputado e vejo que ele está preocupado, mas a questão é que há muito mais complexidades na prática. Você vai estar estimulando a formação de uma intermediação de uma mão de obra, porque se ele recebia x, agora como terceirizado, não vai receber a mesma coisa. É preciso ver a questão da responsabilidade solidária, afirmou.

Comentarios

Notícias relacionadas