Cidade

Rui entrega encostas em Pau da Lima e diz: "Temos uma longa caminhada"

O governador Rui Costa (PT), realizou na manhã desta segunda-feira (29), a entrega das obras de contenção em duas encostas no bairro de Pau da Lima, em Salvador, e comentou o andamento das intervenções pela cidade, além de destacar a importância da colaboração da população para diminuir os riscos. [Leia mais...]

[Rui entrega encostas em Pau da Lima e diz:
Foto : Manu Dias/GOVBA

Por Gabriel Nascimento e Matheus Morais no dia 29 de Fevereiro de 2016 ⋅ 11:04

O governador Rui Costa (PT), realizou na manhã desta segunda-feira (29), a entrega das obras de contenção em duas encostas no bairro de Pau da Lima, em Salvador, e comentou o andamento das intervenções pela cidade, além de destacar a importância da colaboração da população para diminuir os riscos. "Espero poder dar outras autorizações a partir da liberação do Ministério da Integração. Estou indo à Brasília amanhã para pedir que essa autorização seja feita", afirmou.

"Temos de recurso assegurado R$ 230 milhões. Mas nem todo esse recurso está liberado e nós portanto, estamos pedindo essa autorização do recurso para iniciarmos as obras de contratos já licitados. Vocês tem me acompanhado e tem visto que estamos longe de chegar a proteger todas as encostas de Salvador, a topografia é muito acidentada e ao longo de muitos anos isso não foi feito. Temos uma caminhada longa", disse.

Próximo ao inverno, Rui disse que pretende adiantar a construção de mais contenções. "Queremos acelerar as inaugurações das que estão em obras e iniciar outras, mesmo que a obra não esteja concluída você prepara, retira a vegetação, lixo e aumenta a segurança ao tempo que a obra vai sendo executada", afirmou. Sobre a participação da população para reduzir os riscos, o governador destacou alguns pontos. "Pedimos a população que não jogue lixo nas encostas, não escave o pé do morro pra construir a extensão da casa. Vai estar colocando em risco sua família. É preciso que o poder público vá cumprindo sua obrigação, mas é preciso também a colaboração da população", concluiu.

 

Notícias relacionadas

[Morre Makota Valdina, aos 75 anos]
Cidade

Morre Makota Valdina, aos 75 anos

Por James Martins no dia 19 de Março de 2019 ⋅ 07:55 em Cidade

Porta-voz das religiões de matriz africana, ela lançou em 2013 a autobiografia "Meu Caminhar, Meu Viver"