Cidade

Sindicatos de trabalhadores de shoppings querem evitar cobrança de vagas

Sindicatos de categorias de trabalhadores que atuam em shoppings centers querem evitar que eles pelo estacionamento, de acordo com reportagem do A Tarde. Quatro centros de compras já anunciaram que vão cobrar em torno de R$ 6 pelas duas primeiras horas nas vagas. [Leia mais...]

[Sindicatos de trabalhadores de shoppings querem evitar cobrança de vagas]
Foto : Tácio Moreira/ Metropress

Por Juliana Almirante no dia 20 de Junho de 2015 ⋅ 13:11

Sindicatos de categorias de trabalhadores que atuam em shoppings centers querem evitar que eles pelo estacionamento, de acordo com reportagem do A Tarde. Quatro centros de compras já anunciaram que vão cobrar em torno de R$ 6 pelas duas primeiras horas nas vagas. As entidades que representam os bancários e os comerciários querem isenção da tarifa para os funcionários. Alguns shoppings, por sua vez, revelaram que vão liberar credenciais para lojistas e, em alguns casos, cartões de mensalistas para parte dos trabalhadores.


"A entidade não aceita que o bancário que exerce atividade econômica nos locais seja penalizado e pague para trabalhar", informou o sindicato dos bancários em nota. Já os comerciários iniciam, na quarta-feira (24), reuniões com representantes de shoppings para negociar a questão. "A forma que eles estão fazendo beneficia apenas os lojistas", disse Alfredo Santiago, vice-presidente do Sindicato dos Comerciários.

Notícias relacionadas