Cidade

Internado sem ar-condicionado, homem que caiu de telhado morre aos 32 anos

Morreu na madrugada deste domingo (13), aos 32 anos, Danilo Paes de Oliveira, que caiu do telhado da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), no bairro de Itapuã, no dia 24 de fevereiro. Ele e outro rapaz realizavam a manutenção no ar-condicionado da unidade, quando se desequilibraram e caíram do telhado. [Leia mais...]

[Internado sem ar-condicionado, homem que caiu de telhado morre aos 32 anos ]
Foto : Reprodução/Varela Notícias

Por Gabriel Nascimento no dia 13 de Março de 2016 ⋅ 17:31

Morreu na madrugada deste domingo (13), aos 32 anos, Danilo Paes de Oliveira, que caiu do telhado da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), no bairro de Itapuã, no dia 24 de fevereiro. Ele e outro rapaz realizavam a manutenção no ar-condicionado da unidade, quando se desequilibraram e caíram do telhado. Na última quinta-feira (10), familiares fizeram uma manifestação no bairro, com o objetivo de chamar a atenção da empresa onde Danilo trabalhava, a Ulyfrion, que em momento nenhum auxiliou no tratamento, segundo a família.

Ele estava internado no Hospital Alayde Costa, localizado no Subúrbio de Salvador, que está com o ar-condicionado quebrado há dias, segundo denúncias. Com duas fraturas na coluna, o trabalhador passou por uma cirurgia no Hospital Geral do Estado (HGE), no dia 25 de fevereiro. Na época, a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), afirmou que o estado de Danilo era considerado grave, mas ele estava lúcido e respondia à estímulos. O sepultamento acontece no Cemitério Bosque da Paz, localizado no bairro de Nova Brasília.

Em nota enviada ao Metro1, na tarde deste domingo (13), a direção do Hospital Alayde Costa informou que um dos compressores de ar condicionado da UTI apresentou problemas na última sexta-feira (11) e as providências já foram tomadas para o conserto. Foi dito ainda que aparelhos de ar do tipo split estão suprindo momentaneamente a falha.

 

Notícias relacionadas