Cidade

Neto diz que escolha do vice não será por amizade nem questões pessoais

Na semana passada o Jornal da Metrópole listou alguns nomes que devem fazer parte da Chapa de Neto. Entre eles o chefe da Casa Civil, Luiz Carreira (PV), e os secretários Silvio Pinheiro (SD), do Urbanismo, Guilherme Bellintani (PPS), da Educação, e Bruno Reis (PMDB), da Promoção Social e Combate à Pobreza.

[Neto diz que escolha do vice não será por amizade nem questões pessoais]
Foto :

Por Milene Rios e Camila Tíssia no dia 29 de Março de 2016 ⋅ 09:10

Parece que o prefeito ACM Neto (DEM) vai mesmo segurar, até o último minuto, o nome que vai disputar a eleição para prefeito de Salvador ao lado dele. Em entrevista à Rádio Metrópole, na manhã desta terça-feira (29), o democrata mais uma vez desconversou, mas disse que, a partir de maio, as conversas com os aliados devem tomar rumo. 

"Eu lhe disse que eleição a gente só começa a conversar no São João, e essa questão da vice só por aí também", declarou a Mário Kertész. "No final do mês de maio, vou começar a conversar com os partidos para ver a vontade e o comprometimento de todos. Vejo muita especulação. O que posso garantir é que não vou fazer por amizade ou por questões pessoais. Será criteriosa, objetiva e que seja de serviço pra Salvador. O vice será alguém que possa me ajudar a organizar a cidade, como tem acontecido com Célia. E assim será a escolha", disse o prefeito, negando que a proximidade com cada um dos postulantes ao cargo vá influenciar na seleção do candidato a vice.

Na semana passada o Jornal da Metrópole listou alguns nomes que devem fazer parte da chapa de Neto. Entre eles, o chefe da Casa Civil, Luiz Carreira (PV), e os secretários Silvio Pinheiro (SD), do Urbanismo, Guilherme Bellintani (PPS), da Educação, e Bruno Reis (PMDB), da Promoção Social e Combate à Pobreza. 

 

Notícias relacionadas