Cidade

Reforma do Plano Inclinado Gonçalves custou R$ 1,4 mi

Parado desde o dia 16 de abril e com promessa de retornar às atividades em julho, o Plano Inclinado Gonçalves, localizado na Praça da Sé, em Salvador, deve voltar a funcionar na próxima segunda-feira (22), de acordo com a secretaria de Mobilidade de Salvador (Semob). [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Divulgação/ Semob

Por Luiza Leão no dia 20 de Agosto de 2016 ⋅ 12:40

Parado desde o dia 16 de abril e com promessa de retornar às atividades em julho, o Plano Inclinado Gonçalves, localizado na Praça da Sé, em Salvador, deve voltar a funcionar na próxima segunda-feira (22), de acordo com a secretaria de Mobilidade de Salvador (Semob). Em conversa com o Metro1, na manhã deste sábado (20), o titular da pasta, Fábio Moto, afirmou que a obra de reforma custou quase R$ 1,4 milhão

No dia 6 de junho, o secretário de Mobilidade de Salvador, Fábio Mota, disse ao Metro1 que as obras já estavam adiantadas e informou que em julho o Plano voltaria à normalidade. “Já estamos fazendo a troca dos motores e as obras estão avançadas”. Parece que a previsão atrasou um pouco.

No retorno às atividades o meio de transporte irá funcionar de maneira assistida durante 30 dias. A reforma contou com a substituição de motores e quadros de máquinas, renovação da parte elétrica, novos painéis de operação de controle, instalação de freios abaixo dos bondes e troca da fiação elétrica. A reforma geral foi licitada pela Prefeitura, através da Semob.

O plano tem capacidade para atender aproximadamente dez mil pessoas por dia. Seu funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h, e aos sábados, das 7h às 13h.

Notícias relacionadas