Cidade

Pirajá: mais de 17 toneladas de lixo são retirados da Lagoa do Urubu

De acordo com a Prefeitura de Salvador, a Secretaria de Manutenção (Seman) já retirou mais de 17 toneladas de resíduos da Lagoa do Urubu, na BR-324. A ação é parte dos esforços para desobstruir a rede de drenagem do entorno do bairro de Pirajá. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Divulgação/ Agecom

Por Bárbara Gomes no dia 09 de Julho de 2015 ⋅ 17:23

De acordo com a Prefeitura de Salvador, a Secretaria de Manutenção (Seman) já retirou mais de 17 toneladas de resíduos da Lagoa do Urubu, na BR-324. A ação é parte dos esforços para desobstruir a rede de drenagem do entorno do bairro de Pirajá.

O trabalho teve início em 27 de junho e, conforme a Seman, mais de 100 caçambas foram utilizadas para escoar o material retirado da lagoa. O entupimento na rede de drenagem provocou alagamentos, desabrigando no período de fortes chuvas, diversas famílias em Salvador. Para a secretaria, o problema é causado, principalmente, pelo grande volume de materiais despejados no sistema de escoamento.
 
Ainda segundo a Seman, as empresas no entorno da lagoa são as principais responsáveis por despejar os lixos, como pneus, sapatos, garrafas, entre outros materiais. Os técnicos da secretaria, além da desobstrução da lagoa, também estão fazendo a drenagem na parte alagada. O objetivo da Seman é desviar a rede para um ponto distante da área residencial.

Notícias relacionadas