Cidade

Após greve de três dias, ferroviários voltam a operar trens em Salvador

Após três dias de greve por melhores salários, os funcionários responsáveis pela operação dos trens que ligam o bairro da Calçada ao Subúrbio voltaram a trabalhar, neste sábado (17), em Salvador. A categoria pede um aumento de 9,27% e ainda não entrou em acordo com a Companhia de Transportes da Bahia (CTB). [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/Sindiferro

Por Gabriel Nascimento no dia 17 de Setembro de 2016 ⋅ 18:18

Após três dias de greve por melhores salários, os funcionários responsáveis pela operação dos trens que ligam o bairro da Calçada ao Subúrbio voltaram a trabalhar, neste sábado (17), em Salvador. A categoria pede um aumento de 9,27% e ainda não entrou em acordo com a Companhia de Transportes da Bahia (CTB).

O sindicato da categoria, Sindiferro, afirmou que uma nova assembleia deve ser realizada no dia 29 de setembro. Segundo o jornal A Tarde, uma nova paralisação pode acontecer entre os dias 30 de setembro e 3 de outubro.

Cerca de 18 mil pessoas utilizam diariamente o sistema de transporte. Sem os trens, os usuários têm que pagar um valor quase sete vezes maior do que o de costume com a passagem do ônibus, que custa R$ 3,30, enquanto o trem é tarifado em R$ 0,50 centavos.

Notícias relacionadas

[Médico infectologista Rodolfo Teixeira morre aos 89 anos]
Cidade

Médico infectologista Rodolfo Teixeira morre aos 89 anos

Por Matheus Simoni no dia 21 de Outubro de 2018 ⋅ 08:30 em Cidade

Professor Emérito da Faculdade de Medicina da Universidade Federal da Bahia (UFBA) e entusiasta da área de pesquisa, ele foi um idealizadores do Centro de Estudos Egas Mo...