Cidade

Centro de Salvador passa por intervenções para melhorar acessibilidade

O Centro Histórico de Salvador passa por intervenções que seguem normas de acessibilidade em mais de 260 ruas de 11 bairros da região. A iniciativa faz parte do projeto "Pelas Ruas do Centro Antigo de Salvador", executado pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder).

[Imagem not found]
Foto : Divulgação/ Conder

Por Luiza Leão no dia 21 de Setembro de 2016 ⋅ 17:02

O Centro Histórico de Salvador passa por intervenções que seguem normas de acessibilidade em mais de 260 ruas de 11 bairros da região. A iniciativa faz parte do projeto "Pelas Ruas do Centro Antigo de Salvador", executado pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder). 

As obras visam restaurar calçadas através do alargamento e instalação de rampas acessíveis, piso tátil, travessias para pedestres, 13 quilômetros de ciclofaixas e dispositivos de sinalização para pedestres.  As calçadas foram alargadas na Fundação Casa de Jorge Amado e no Museu da Cidade, ao longo da Rua Gregório de Matos, que contornam o alto do Largo do Pelourinho, seguindo pela Rua Alfredo de Brito e terminando no Terreiro de Jesus.

Para o gestor da Diretoria do Centro Antigo de Salvador (Dircas/Conder), Maurício Mathias, as obras valorizam as áreas históricas da capital e garante melhor acessibilidade a turistas e baianos.

Notícias relacionadas